Páginas

terça-feira, 16 de novembro de 2010

´"É HORA DE CRESCER!" (PARTE 1).

                       
                                                     
                                           “É HORA DE CRESCER!”


“... antes, crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora como no dia da eternidade. Amém!” (2 Pd 3:18).

Crescer, se desenvolver, é algo inerente a todo ser vivo. Tudo que esta vivo e saudável, cresce e se desenvolve. Deus planejou que esse crescimento e desenvolvimento fosse completo e não apenas parcial. Ou seja, Deus nos criou para crescermos plenamente, no espírito, alma e corpo. Como o próprio Jesus, quando esteve aqui nesse mundo.

“E crescia Jesus em sabedoria,(espírito) e em estatura, (corpo físico) e em graça (alma) para com Deus e os homens (no espiritual e no natural).” Lc 2:52

Exemplo de Samuel:

E o jovem Samuel ia crescendo, e fazia-se agradável, assim para com o SENHOR, como também para com os homens (espiritualmente e naturalmente). 1 Sm 2:26

É esse crescimento total, que Deus planejou para nós, o qual devemos buscar. Deve fazer parte da nossa vida. Mas, infelizmente, a maioria das pessoas, só entende a necessidade do crescimento natural, mas não se dão conta da mesma necessidade no espiritual. Embora esse crescimento espiritual, devesse ser tão natural e esperado como o crescimento físico. Pois todos nós sabemos e entendemos, que um recém nascido por mais bonitinho e fofinho que seja não pode ficar bebezinho o resto da vida. Vai ter que crescer. Se isso não ocorrer, é sinal de que algo está errado e precisa urgentemente, ser analisado, examinado até que se ache a causa do não desenvolvimento da criança. Pois certamente há algum problema de saúde.
No espírito, também deve ser assim. Todo líder (pai espiritual, discipulador), deve estar atento ao crescimento e desenvolvimento de todo novo convertido (bebê espiritual). Essa é a condição de todo recém-convertido, de todo que recebe a Jesus no coração e passa pelo novo nascimento no espírito. Em Cristo, nascemos de novo SIM, mas nascemos bebê, e não adultos. E tudo que um bebê precisa para viver e crescer saudável no natural, nós precisamos também no espiritual. Ou seja, um recém nascido não poderá sobreviver sem cuidados especiais, sem alimentação adequada, sem proteção, etc. Assim também é com o recém nascido espiritual (novo convertido- bebe espiritual). Se não houver o cuidado necessário, não sobreviverá. Não é só gerar, dar a luz. É preciso cuidar, alimentar, prover, proteger e instruir para vida. Com o novo convertido também, é a mesma coisa. Não é só ganhar (levar a igreja, conduzir a confissão), é preciso cuidar alimentar, discipular, treinar, etc. Pregar o evangelho (evangelizar, ganhar almas), é muito importante, mas, a obra não acaba por ai. Jesus não mandou apenas pregar o evangelho, ele mandou pregar e ensinar, ou seja, fazer discípulos...

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado” (Mc 16: 15-16).

“Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. “ (Mt 28: 19-20)

Para cumprir o “ÍDE” de Jesus, precisamos imprescindívelmente, de maturidade espíritual! Para realizarmos a obra completa, e não pela metade. Só assim teremos a grande “colheita de almas” que nos esta prometida na palavra de Deus.

“Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos, e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa.”  (Jo 4:35)

É bem claro na bíblia, desde o princípio, que, CRESCIMENTO vem antes de multiplicação, conquista e sujeição da terra.

“E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: crescei (sede fecundos) e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.”  (Gn 1:28)

A palavra CRESCER e SER FECUNDO aqui, vem da mesma raiz e tem a ver com fecundar, gerar; e esta relacionada a vida adulta pois uma criança (bebê), não esta apta a conceber, gerar e dar a luz, etc.

Só assim haverá conquista e sujeição da terra como Deus nos ordenou desde o princípio. Toda a criação espera, anseia pela manifestação dos filhos (maduros), de Deus.

“Porque a criação aguarda com ardente expectativa a revelação dos filhos de Deus”. (Rm 8:19)

Portanto amados, cabe a nós, como filhos de Deus manifestar ao mundo, (a toda a criação) a glória do nosso Pai!
Chega um tempo em nossas vidas que temos que encarar nossas responsabilidades. Agir conforme se espera de nós pelo tempo decorrido (Hb 5:12). Tempo esse, que temos que romper com muitas coisas tolas e infantis que fizeram parte da nossa infância mas que agora já não cabem mais.
Por exemplo. Para uma criança pequena é normal fazer manha para acordar cedo na hora de ir para a escola, e até inventar desculpas como uma tosse forçada, uma dor, ou coisa parecida. Mas, imagine que ridículo seria, um marmanjo casado, com filhos para sustentar e contas para pagar, dando desculpas para não ir trabalhar de manhã porque está fazendo muito frio. Ou seja, não teria cabimento uma coisa dessas, não é verdade?
Então, há comportamentos que embora não sejam corretos, em uma criança até se pode tolerar. Mas para um adulto, já é inaceitável. É isso que o apóstolo Paulo queria que entendêssemos quando disse:

"Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino".  (1 Coríntios 13:11)

"...acabei com as coisas de menino...".  Ou seja, rompi, acabei, parei de agir como menino; deixei toda criancice da minha vida e me posicionei assumindo minhas responsabilidades com consciência e maturidade.
É claro que isso não ocorre de uma hora para outra na vida de ninguém. Pois o amadurecimento é (deve ser), um processo natural e contínuo em nossas vidas, a cada etapa, desde que nascemos até o fim da mesma. Cada fase da vida que passamos, nos prepara para encararmos e superarmos os desafios e obstáculos que enfrentaremos na próxima etapa. Até mesmo quando já estivermos velhos, ainda  teremos muito que aprender, até mesmo nessa fase em que muitos pensam (erradamente), que já sabem tudo e não precisam aprender mais nada.  Nesse momento da vida, em que, já não se pode contar mais com  a força e o vigor físico da juventude, cada um de nós terá que aprender a lidar com as limitações físicas que vão surgindo com o avanço da idade. E, com sabedoria Espiritual e equilíbrio emocional, teremos que, mais do que nunca, usar todo conhecimento adquirido durante toda vida para "compensar" a força e o vigor físico que vão diminuindo cada vez mais nessa fase da vida. Como nos mostra a Bíblia em (Pv 20:29)

"A glória do jovem é a sua força; e a beleza dos velhos são as cãs".

 (Cãs = cabelos brancos ou acinzentados). Significa a honra, sabedoria e experiência na vida dos idosos (Anciãos), tementes a Deus.

"Coroa de honra são as cãs, quando elas estão no caminho da justiça". (Provérbios 16:31)


Nesse tempo também, com muita serenidade, teremos que aprender a "substituir" a alegria, o entusiasmo e a vivacidade dos sonhos e projetos da nossa infância e juventude, pela alegria da certeza do dever cumprido. E pela Esperança de que, debaixo da unção e poder do Espírito Santo poderemos continuar sonhando...

"E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, Que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne; E os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, Os vossos jovens terão visões, E os vossos velhos terão sonhos;" (Atos 2:17)

Que maravilha! Como é bom saber que, em Cristo, nós e nossa descendência podemos contar sempre com Deus! E que ele está presente em todas as fazes de nossas vidas!
Desde que fomos formados no ventre da nossa mãe, ele, pelo seu Espírito nos preparava para cumprir um propósito eterno ( Sl 139:16).
Quando (filhos e filhas), na nossa infância, ele começa a manifestar em nós os sonhos e anseios que ele mesmo plantou em nossos corações. E pelo seu Espírito nos leva a profetizar (debaixo de unção e instrução de pais tementes a Deus e cheios do Espírito Santo); Eu serei...  Eu farei... Eu cumprirei o propósito de Deus para minha vida! Pois como já vimos em postagens anteriores, "Deus colocou poder criativo em nossas palavras". E esse poder quando usado com sabedoria e unção do Espírito Santo, tornam-se verdadeiras profecias. Sendo assim, é muito importante ficarmos atentos e prestarmos atenção quando nossos filhos declararem as famosas frases que toda criança declara. Frases do tipo:  "Quando eu crescer eu vou ser isso ou aquilo..."  E se, por acaso, por imaturidade elas declararem algo fora do propósito de Deus, como pais, Deus nos deu autoridade e a responsabilidade para cancelar tais palavras em nome de Jesus e liberar profeticamente sobre eles o propósito do Senhor revelado para suas vidas. Cabe a nós buscarmos de Deus qual o seu propósito para nós e nossos filhos, e assim declarar-lhes para que o conheçam, profetizem conscientemente e busquem viver dentro do mesmo. Tenho feito isso com meus filhos naturais e espirituais (discípulos), e tenho visto o resultado em suas vidas, quanto mais passam a conhecer e profetizar com cosciencia e entendimento o que Deus tem para eles, nisso crescem e se desenvolvem plenamente. Tenho visto que, quando aprendemos desde crianças a buscar e profetizar os sonhos de Deus para nós, esses sonhos se tornarão em visão na nossa juventude. Como está escrito: "...Os vossos jovens terão visões...".
Isso não é um passe de mágica. Faz parte do processo do crescimento espiritual e natural, sadio e dentro dos padrões de Deus.
Por falta de ter uma "visão" na vida para estabelecer, muitas pessoas se envolvem com vícios de bebidas, drogas, promiscuidade. etc. Principalmente na fase da adolescencia e juventude.
Como eu digo sempre aos discípulos em nossa igreja:
" Um homem sem visão é como um barco a deriva...".
" A visão é um retrato de onde eu quero chegar. Quem não tem visão, é porque já chegou..." Ou seja, não irá mais a lugar algum na vida.
A visão que você tem da vida define quem você é diante de Deus e dos homens. Quem não tem uma visão definida, não tem senso de identidade e destino espiritual. IDENTIDADE ( Quem eu sou ). DESTINO ( Para que eu existo). Por falta de saber qual o propósito de Deus vive se questionando e duvidando das suas promessas. Não cresce, não desenvolve em nada na vida  pois é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. (Tiago 1:6)
Mas, uma pessoa que tem uma identidade Espiritual fundamentada desde a infância dentro do propósito do Senhor, quando jovem terá uma visão de Deus para estabelecer durante toda a sua vida. E nessa visão de Deus revelada pelo Espírito Santo para todas as áreas de sua vida (espiritual, emocional, física, familiar, material, proficional, ministerial, etc). Nisso empenhará a força e o vigor da sua juventude. E assim, certamente colherá os frutos, nessa vida e na vindoura; frutos de uma vida semeada para cumprir o propósito do Eterno.
Assim sendo, como já vimos; mesmo na velhice não deixará de sonhar. "...E os vossos velhos terão sonhos;"  Pois quem vive plenamente os sonhos dentro do propósito de Deus em cada etapa de sua vida, sabe que esses sonhos são eternos e não terminarão com as nossas cãs (velhice), e nem ainda quando partirmos desse mundo. Pois os sonhos que Deus plantou em nossos corações desde o ventre materno, não terminam em nós. Apenas começam! Aleluia! E continuarão se cumprindo cada vez mais fortes e mais plenos, a cada geração na vida dos nossos descendentes! Filhos, filhas, discípulos. Herdeiros dos sonhos e visões de Deus em nossas vidas. Para isso Deus esta convertendo o coração dos pais aos filhos e doas filhos aos pais.(Ml 4:6), com o fim de preparar ao Senhor um povo bem disposto. (Lucas 1:17)
 Disposto a viver plenamente cumprindo o propósito de Deus. Crescendo sempre na graça e no conhecimento do Senhor. Manifestando-o a toda criação e às gerações futuras.
Que possamos fazer parte desse povo bem disposto (pronto, preparado, maduro na fé), que Deus esta levantando na terra. E mesmo quando estivermos velhos, ainda estejamos cheios do sonho e da visão de Deus, possamos dizer como o salmista:

"Agora também, quando estou velho e de cabelos brancos, não me desampares, ó Deus, até que tenha anunciado a tua força a esta geração, e o teu poder a todos os vindouros".  (Salmos 71:18)
 
Pois temos a promessa de Deus de que:

"Na velhice ainda darão frutos; serão viçosos e vigorosos,"  (Salmos 92:14)

Portanto, amados irmãos. Mais do que nunca possamos progredir na fé e em tudo que a graça de Deus nos concede. Valorizando assim o sacrifício de Cristo por nós na Cruz. Que a partir de agora, completamente curados e libertos no espírito, alma e corpo, possamos crescer até a plena estatura do varão perfeito, JESUS. Deixando para traz toda estagnação espiritual, não sejamos mais raquíticos na vida cristã. Para a glória de Deus! Em nome de Jesus! AMÉM!

"Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém". (2 Pedro 3:18)



No amor de Cristo que nos une;
Ósculo santo a todos. SHALOM ADONAI.

Deixe-nos seu depoimento (o que foi Rhema para você nessa e outras mensagens aqui postadas), para nossa edificação mútua.

Um comentário:

Wesleyana Jardim Maravilha disse...

A Paz....
fico muito feliz em ler uma matéria tão bem elaborada e explicada de forma muito consistente. Que Deus continue a dar essa graça que lhe tem dado, e , com isso o seu ministério cresça muito, para que nós que estamos cá do outro lado da corda possamos crescer juntos também. Fique na Paz..
Asp. Marcelo Fulgoni

Ocorreu um erro neste gadget

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email

VISITE NOSSO CANAL NO YOUTUBE E SEJA GRANDEMENTE EDIFICADO!

http://www.youtube.com/user/janethgarajau?feature=mhee
Loading...